3 de outubro de 2009

Sarcosuchus

Sarcosuchus ("crocodilo carniceiro") é um parente distante do crocodilo que viveu durante o Cretáceo Inferior, de 135 a 112 milhões de anos atrás, no norte da África e na América do Sul. Chegava a 12 m de comprimento e 8 toneladas, um dos maiores crocodilomorfos que já existiram.
Possuía um focinho estreito e comprido, com um engrossamento na extremidade, e 132 dentes. Seu dorso era recoberto por fileiras contínuas de escudos dérmicos (osteodermas). O Sarcosuchus era um predador generalista, ou seja, tinha uma dieta muito variada, e habitava águas doces.
Sarcosuchus foi encontrado no deserto do Saara, que, no Cretáceo, era uma planície tropical coberta de vegetação, pontilhada de lagos e cortada por vários rios e córregos. Dentes e osteodermas de Sarcosuchus hartii foram encontrados no Brasil, já que a América do Sul era ligada à África na época.
Classificação científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Superordem: Crocodylomorpha
Família: Pholidosauridae
Gênero: Sarcosuchus
Espécies: Sarcosuchus imperator e S. hartii

Fontes Wikipedia (versão em inglês) e AVPH.

2 comentários:

  1. Ta faltando o maior de todos, Aegisuchus recentemente descoberto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela sugestão! Em breve falarei sobre ele.

      Excluir

Todos os comentários passam por aprovação do autor.
Comentários inapropriados ou ofensivos não serão publicados.
Críticas e sugestões são bem-vindas.