16 de julho de 2017

Livyatan - os maiores dentes do mundo

© 2016 Brian Choo

Livyatan ("Leviatã", em hebreu, o monstro bíblico) é um gênero extinto de cetáceo, que viveu na época Miocena, há 13 milhões de anos, no oceano Pacífico. Similar ao cachalote atual, estima-se que media até 17,5 m de comprimento, tendo o crânio 3 m, e pesava até 45 t. Junto com o megalodonte, que viveu nas mesmas águas, era o maior predador de sua época. Adaptado para capturar grandes animais com sua boca cheia de dentes, predava tubarões, focas, golfinhos e até outras baleias.
Suas maxilas eram robustas e fortes, com grandes dentes de até 36 cm, considerados os maiores dentes funcionais do reino animal - isto é, que têm o propósito de cortar e mastigar, o que não leva em conta as presas dos elefantes, por exemplo. Além disso, possuía uma das mordidas mais poderosas de todas. O crânio formava uma bacia curva no topo, o que sugere a presença, em vida, de um órgão de espermacete, como o do cachalote. Esse órgão produz uma substância oleosa, semelhante à cera, chamada espermacete, que ajuda a controlar o mergulho em águas profundas e a flutuação do animal. No entanto, acredita-se que o Livyatan caçava próximo à superfície, e, assim, esse órgão teria sido usado para outros fins, como ecolocalização, produção de sons ou como um amortecedor nas disputas de cabeçadas entre os machos.
Os fósseis da espécie foram descobertos em 2008, em um deserto costeiro do Peru, em Cerro Colorado. Os restos correspondem a um crânio parcialmente preservado, com dentes e mandíbula. Olivier Lambert nomeou a espécie em 2010 como Livyatan melvillei, em homenagem ao escritor Herman Melville, autor do clássico literário Moby Dick. Um dente encontrado em 2016 na Austrália pode pertencer a esta ou uma nova espécie de Livyatan, mas ainda não recebeu nenhuma designação.

Classificação científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Infraordem: Cetacea
Superfamília: Physeteroidea
Gênero: † Livyatan
Espécie: † Livyatan melvillei


© Mundo Pré-Histórico
Diferentemente do cachalote, que tem dentes apenas na maxila inferior, o Livyatan tinha dentes poderosos em cima e embaixo, próprios para atacar grandes presas.
© Endless Travel/Alamy
© Carl Buell

Fontes: Wikipedia (versão em inglês), Prehistoric WildlifeOwlcation e Phenomena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam por aprovação do autor.
Comentários inapropriados ou ofensivos não serão publicados.
Críticas e sugestões são bem-vindas.