3 de fevereiro de 2009

Protoceratope

(Atualizado em agosto de 2013)
© Luis V. Rey

O protoceratope (do latim, "primeiro rosto com chifres") é um pequeno ceratópsio que viveu no fim do Cretáceo, de 75 a 71 milhões de anos atrás, na Mongólia. Media 1,8 m de comprimento, 60 cm de altura nos ombros e pesava até 180 kg. Alimentava-se da vegetação das regiões áridas da Ásia, como arbustos, o que exigia dentes adaptados.
Tinha uma pequena "crista" sobre o pescoço, cabeça proporcionalmente grande, vértebras caudais altas, elevações sobre os olhos e um chifre muito pequeno no focinho. O protoceratope vivia em bandos e depositava os ovos cuidadosamente em círculo, em buracos cavados na areia. Fósseis mostram que as fêmeas se revezavam para cuidá-los. Devido à abundância de espécimes de protoceratope, os especialistas constataram que ocorriam grandes mudanças no crânio desse animal ao longo de seu crescimento.
Em 1971, foi encontrada no Deserto de Gobi uma ossada de protoceratope em combate com um velocirraptor, que devem ter morrido quando uma duna de areia desabou sobre eles enquanto brigavam. O protoceratope é um dos poucos dinossauros tão bem conhecidos, já que era facilmente soterrado pelas dunas e, assim, mais facilmente preservado. Acredita-se que ele deu origem à criatura mitológica conhecida como grifo, quando seus fósseis foram encontrados por povos nômades na Antiguidade, que supuseram a existência de um animal com corpo de leão e cabeça de águia.   

Classificação científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Superordem: Dinosauria
Ordem: † Ornithischia
Subordem: † Cerapoda
Infraordem: † Ceratopsia
Família: † Protoceratopsidae
Gênero: † Protoceratops
Espécies: † Protoceratops andrewsi e † P. hellenikorhinus

© Mundo Pré-Histórico
© James Robins
Na disputa, o braço do velocirraptor foi agarrado pelo bico do protoceratope

Fontes: Wikipedia (versão em inglês) e Enciclopédia dos dinossauros e da vida pré-histórica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam por aprovação do autor.
Comentários inapropriados ou ofensivos não serão publicados.
Críticas e sugestões são bem-vindas.