31 de janeiro de 2016

Cameroceras, o molusco gigante

© Danny Bob

Cameroceras ("chifre com câmaras") é um gênero extinto de molusco cefalópode, que viveu de 470 a 460 milhões de anos atrás, durante o Ordoviciano. As estimativas apenas para o tamanho de sua concha gigante chegam a 6 m de comprimento, tornando-o um dos maiores moluscos da era Paleozoica.
Comparando o Cameroceras com seu único parente próximo ainda vivo, o náutilo, algumas inferências podem ser feitas: sua cabeça de tecido muscular macio situava-se na abertura da concha cônica, enquanto o resto do corpo ficava protegido no interior. Tentáculos cresciam da base da cabeça, como em um polvo, e serviam para agarrar e manipular presas. O alimento era então levado à boca, onde um bico queratinoso rígido poderia mastigar até escorpiões-marinhos, além de peixes agnatos e outros cefalópodes. Quase certamente era um predador de emboscada, que movia-se pelo leito marinho ou assentava-se no fundo para esperar. A enorme concha tornava difícil nadar com agilidade e destreza - indivíduos mais velhos, inclusive, ficariam tão pesados que provavelmente tornavam-se nadadores muito pouco ativos.
A espécie-tipo do gênero, Cameroceras trentonense, foi descrita pela primeira vez em 1842, pelo malacologista (especialista em moluscos) americano Timothy Conrad. Fósseis foram encontrados na Europa, América do Norte e China, sugerindo uma distribuição cosmopolita do animal.

Classificação científica:
Reino: Animalia
Filo: Mollusca
Classe: Cephalopoda
Subordem: Nautiloidea
Ordem: † Endocerida
Família: † Endoceratidae
Gênero: † Cameroceras
Espécies: † Cameroceras trentonense, † C. alternatum, † C. hennepini, † C. inopinatum e † C. stillwaterense

© Mundo Pré-Histórico
Molde fossilizado de uma concha de Cameroceras, encontrado ao norte de Kentucky, EUA. A concha original dissolveu-se, deixando, em sedimentos calcários, esta impressão de seu interior.
Cameroceras do documentário Caminhando com Monstros
© 2005 BBC

Fontes: Prehistoric Wildlife e Wikipedia (versão em inglês).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam por aprovação do autor.
Comentários inapropriados ou ofensivos não serão publicados.
Críticas e sugestões são bem-vindas.