25 de janeiro de 2009

Ceratópsios (Ceratopsia)

Da esquerda para a direita: ChasmosaurusStyracosaurusCentrosaurus e, embaixo,  Protoceratops

Os ceratópsios ou ceratopsianos ("novas faces com chifres") foram uma infraordem de dinossauros ornitísquios herbívoros, com um bico e uma franja óssea na parte posterior do crânio. Muitos possuíam chifres. Alguns ceratópsios tinham grandes crânios, os maiores entre os animais terrestres. Dividem-se nas formas mais primitivas, os neoceratópsios, e mais avançadas, os ceratopsomorfos.
Os neoceratópsios mediam de 1 a 4 m de comprimento, a maioria viveu no leste da Ásia, alimentavam-se principalmente de plantas e não tinham chifres enormes como os dos ceratopsomorfos. Ao contrário deles, alguns tinham dentes pontiagudos nas maxilas superiores. Os psitacossauros, bípedes e com crânios sem crista semelhantes aos dos papagaios modernos, foram os neoceratópsios mais primitivos que se conhecem.

Montanoceratops
© Mr. Gopal

Os ceratopsomorfos tinham corpos robustos, ossos semelhantes a cascos nos dedos, grandes chifres, cauda curta, bicos fortes e recurvados e dentes cortantes. Comiam muitos tipos diferentes de vegetais. Com exceção de fragmentos de fósseis encontrados na América do Sul e na Ásia, todos os ceratopsomorfos são norte-americanos. Alguns grupos de ceratopsomorfos são o dos casmossauríneos e dos centrossauríneos.

Triceratops

Fontes: Enciclopédia dos dinossauros e da vida pré-histórica e AVPH.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam por aprovação do autor.
Comentários inapropriados ou ofensivos não serão publicados.
Críticas e sugestões são bem-vindas.